Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

ÍNDIA: ESCASSEZ DE ÁGUA OBRIGA AUTORIDADES A FECHAREM FÁBRICA DA COCA-COLA

Mäyjo, 14.04.15

Índia: escassez de água obriga autoridades a fecharem fábrica da Coca-Cola

Uma fábrica da Coca-Cola em Uttar Pradesh, norte da Índia, foi obrigada a fechar pelo Governo local, depois de agricultores se queixarem da grande quantidade de água utilizada pela empresa. Há algum tempo que a Coca-Cola está sob pressão no mercado indiano, devido à escassez de água no país.

Em Junho de 2013, a Coca-Cola tinha solicitado à Autoridade Central das Águas Subterrâneas da Índia permissão para lançar uma nova linha de engarrafamento na fábrica de Medhigani. Na sequência deste pedido, milhares de agricultores protestaram junto do Governo, acusando a Coca-Cola de causar escassez de água na região.

Esta nova notícia vem colocar pressão nas multinacionais a operar em regiões com faltas de água crónica, como o norte indiano. “Esta é uma grande vitória para a comunidade local, que agora sabe que pode vencer os grandes negócios multinacionais”, explicou ao Financial Times Nandlal Master, um dos responsáveis por esta luta contra a multinacional norte-americana.

A Coca-Cola reagiu negativamente à decisão, alegando que as acusações de má utilização da água são falsas. “Utilizamos a água de forma responsável, porque partilhamos o interesse na sustentabilidade dos recursos aquáticos”, explicou a fábrica da Coca-Cola em comunicado.

A Coca-Cola afirma que a Índia poderá ser um dos cinco maiores mercados mundiais durante os próximos dois anos. No entanto, alguns analistas referem que os problemas cada vez mais graves de escassez de água no país poderão representar um entrave aos planos ambiciosos de empresas como a Coca-Cola – e outras.

As águas subterrâneas têm sofrido uma grande escassez em toda a Índia, devido sobretudo à sua sobreutilização por parte dos agricultores. Empresas como a Coca-Cola ou Pepsi têm-se tornado alvos fáceis para os agricultores, apoiado também por activistas anti-globalização.

Em Novembro de 2012, as autoridades indianas de água anunciaram novas restrições à utilização de águas subterrâneas na indústria – agora, estas estão ligadas a condições como qualidade de água corrente, tipo de indústria e comprometimento das empresas com os planos de reciclagem e investir na qualidade de água.

Foto:  Meanest Indian / Creative Commons